Nuit Blanche, noite de muita arte e nenhum sono em Toronto

Coloque no seu calendário: noite de 29 de setembro – ficar acordado a noite toda, perambulando pelas ruas de Toronto, com milhares de outras pessoas, deslumbrando-se com arte, muita arte. Tudo de graça, até o sol raiar ou você não aguentar mais ficar de olho aberto.

Estamos falando do Nuit Blanche, que signifca “noite sem dormir” e dá nome ao evento anual que começou em Paris, em 2002, e que hoje ocorre em mais de 100 cidades ao redor do mundo, incluindo Toronto.

A ideia é promover uma noite de celebração à arte contemporânea, com instalações ao ar livre e dentro das principais instituições de arte da cidade, começando ao anoitecer (a partir das 19h) e indo até os primeiros raios de sol do dia seguinte.

A 13ª edição do Nuit Blanche Toronto conta com 75 instalações de arte, assinadas por 350 artistas nacionais e internacionais. Tendo como tema “You Are Here” (Você Está Aqui), vem com uma grande novidade: este ano, o evento será dividido em três exibições: uma na região de Scarborough, à leste da cidade, outra no centro de Toronto e uma terceira servindo como ponte para essas duas.

O tema de 2018 não poderia ser mais atual, um convite para que olhemos Toronto com outros olhos, acompanhando as constantes mudanças que a cidade vem passando, e provocando perguntas como: O que é diferença quando todos somos diferentes? Como podemos redefinir os conceitos de minorias e maiorias? Poderão nossas diferenças nos unir mesmo quando nos diferenciam?

COMO APROVEITAR O NUIT BLANCHE TORONTO AO MÁXIMO

A melhor maneira de aproveitar o Nuit Blanche é a pé, com um traçado do que se quer ver à mão, feito com antecedência.

Utilize o mapa interativo disponível no website do evento, que dá a localização de cada projeto, o endereço das instituições participantes e dos três postos de informações, localizados no: Nathan Phillips Square (100 Queen Street West), Yonge Dundas Square (1 Dundas Street East) e Scarborough Town Centre (150 Borough Drive).

Estes postos estão equipados com:

  • Mapa, em papel, do evento
  • Mapa em larga escala para saber onde ir a partir daquele ponto
  • Voluntários
  • Primeiros-socorros
  • Banheiros
  • Barraquinhas de comida
  • Estações para carregar celular

Outra novidade é a divisão das instalações de arte em seis “Nuit neighbourhoods” (“vizinhanças Nuit”), para tornar o passeio mais eficiente, já que anda-se muito durante o Nuit Blanche. São elas:

  • Scarborough: 29 instalações no Scarborough Civic Centre, Scarborough Town Centre e redondezas, incluindo cinco projetos dentro das estações do SRT (Scarborough Rapid Transit), os trens da Line 3 que operam na região;
  • Don Mills – Traslados gratuitos saindo da Line 3 Scarborough até o museu Aga Khan e o Ontario Science Centre para um total de cinco projetos;
  • Bloor-Yorkville – 11 projetos ao longo do corredor Bloor Street West, do museu ROM (Royal Ontario Museum) ao museu Bata Shoe e ao norte do Spadina Museum: Historic House and Gardens;
  • Downtown – 31 instalações de arte concentradas no espaço Nathan Phillips Square (na frente da prefeitura de Toronto) e ao redor dele, expandindo em direção à igreja Church of the Holy Trinity, o Toronto Coach Terminal (Terminal Rodoviário de Toronto) e o quarteirão Yonge Dundas Square, descendo para Bay Street. A área é ancorada por 11 obras de arte das exibições “Dream Time: We All Have Stories” (Tempo de Sonhos: Nós Todos Temos Estórias) e “The Things They Carried” (As Coisas que Eles Carregavam).
  • Sterling Road – Com três projetos no recém-inaugurado Museum of Contemporary Art (MOCA) e no Drake Commissary, na vizinhança conhecida como The Junction, no extremo oeste da cidade;
  • Artscape Youngplace – QG do Nuit Blanche na vizinhança da West Queen West, com quatro projetos situados na Shaw Street e Sudbury Street.

TRANSPORTE PÚBLICO EM ESQUEMA ESPECIAL PARA O NUIT BLANCHE

Além do serviço regular de ônibus que funciona a noite inteira, o all-night Blue Night,  o TTC, transporte público da cidade, estenderá os serviços dos metrôs da Linha 1 (Yonge-University) e Linha 2 (Bloor-Danforth) e dos trens da Linha 3 (Scarborough SRT), operando por toda a noite.

A validade dos passes Single Day e Family Day também será estendida, até às 7 horas da manhã de 30 de setembro.

Passagens gratuitas serão concedidas nos portões das estações Kennedy, Lawrence East, Ellesmere, Midland, Scarborough Centre (acessível) e McCowan.

Quem estiver de carro, poderá estacionar de graça, durante toda a noite, nos estacionamentos de metrô com este serviço.

ESPERE BASTANTE COMPANHIA

Em anos anteriores, o Nuit Blanche já chegou a levar mais de um milhão de pessoas às ruas de Toronto.

Algumas ruas estarão fechadas para os carros e abertas para os pedestres, garantindo mais segurança para a caminhada e fácil acesso às instalações de arte. São elas: parte da Queen Street West, Bay Street e Borough Drive.

Os pontos de maior acúmulo de visitantes são: o espaço Nathan Phillips Square e o quarteirão Yonge-Dundas Square. Uma dica é passar por estes locais logo que o Nuit Blanche começa, lá pelas 6 da tarde ou voltar bem de madrugada, lá pelas 4 da manhã.

Atenção redobrada com crianças e se estiver com um grupo grande de pessoas, porque pode acontecer de alguém acabar ficando para trás. Leve comidinhas e água na bolsa e agasalhe-se bem, pois as noites nesta época do ano já são bem frias. Use e abuse dos acessórios de inverno: jaqueta, meias grossas, touca, luvas, cachecol, e alterne o passeio entre instalações ao ar livre com exibições indoor, para não ficar muito tempo exposto às baixas temperaturas.

Aqui uma lista das principais instituições que estarão participando do Nuit Blanche Toronto deste ano, com entrada gratuita:

Bom passeio!